As contribuições do autosserviço para uma gestão estratégica de pessoas no estado de Minas Gerais

Data da publicação

2016

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
Com o intuito de aperfeiçoar o trabalho da área de recursos humanos no estado de Minas Gerais, a Administração Pública mineira deu início ao Projeto MASP, que visa implantar um Modelo de RH de Alto Desempenho. O objetivo do Projeto MASP é tornar a gestão de pessoas no estado mais eficiente. Para isso, será criado um Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos, que possibilitará a integração entre todos os processos de RH. O novo Sistema possibilitará que o Estado ofereça aos servidores uma série de autosserviços. Ou seja, a partir do novo modelo, uma série de processos de gestão de pessoas, como apuração de frequência e marcação de férias, serão intermediados pelo Sistema, de modo que o servidor e o gestor não necessitem de estabelecer contato direto com o pessoal da área de RH. Tendo isso em vista, este trabalho buscou identificar quais as características dessa disponibilização dos autosserviços, bem como as dificuldades e benefícios esperados. Por meio de pesquisas bibliográfica e documental, bem como da realização de entrevistas, identificou-se que o autosserviço pode reduzir de maneira considerável a carga de trabalho operacional que hoje é realizada pelos DRH do Estado. Dessa maneira o autosserviço pode contribuir para uma gestão estratégica de pessoas no estado de Minas Gerais, ao possibilitar que a área de recursos humanos tenha tempo disponível para elaborar novas políticas e alinhar a gestão de pessoas à estratégia governamental.

Abstract
In order to improve the operation of its human resources area, the Minas Gerais Public Administration initiated the MASP Project, which aims to implement a High Performance HR Model. The goal of the MASP Project is to make people management in the state more efficient. For this, an Integrated System of Human Resources Management, which will allow the integration between all HR processes, will be created. The new system will enable the State to offer several self-services to the public employees. That is, from the new model, a series of people management processes, such as frequency counting and vacation planning, will be intermediated by the System, so that the government employees will not need to establish direct contact with the HR area. With this in view, this research sought to identify the characteristics of this self-service availability, as well as the difficulties and benefits expected. Through bibliographic and documentary research, as well as interviews, it has been identified that those self-services can considerably reduce the operational workload that is currently carried out by the State's HR area. In this way, the self-service can contribute to the strategic people management in the state of Minas Gerais, by enabling the human resources area to have the time available to elaborate new policies and align people management with the government strategy.

Descritores

Palavras-chave

Citação

MOTA, Pablo Santos. As contribuições do autosserviço para uma gestão estratégica de pessoas no estado de Minas Gerais. 89 f. Monografia (Graduação em Administração Pública) – Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho, Fundação João Pinheiro, Belo Horizonte, 2016

Relacionado com

Contido em

Licença

Coleções