A resposta da política de assistência social à tragédia de Brumadinho

Data da publicação

2019

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
No dia 25 de janeiro de 2019 mais uma barragem de rejeitos de mineração se rompe em Minas Gerais, dessa vez em Brumadinho. O desastre desencadeou um mar de lama que gerou impactos sociais, ambientais e econômicos difíceis de serem revertidos. Em uma tragédia como esta, a Assistência Social tem papel fundamental para garantir proteção aos atingidos, tanto no período emergencial de curto prazo, quanto no médio e longo prazo, denominado pela literatura como pós tragédia. Todavia, até o rompimento da barragem, não existiam protocolos para a atuação dos serviços socioassistenciais em situações de desastre e calamidade pública. Ademais, as poucas normativas existentes não eram suficientes para orientar a atuação estadual perante a magnitude da tragédia de Brumadinho. Tendo em vista a importância de haverem planejamentos, protocolos e serviços bem estruturados, o presente trabalho busca contribuir com a organização socioassistencial em situações de desastre. Para isso, visa mapear, descrever e analisar como aconteceu a atuação da Assistência Social estadual no período emergencial eno pós tragédia, em Brumadinho, através de pesquisa documental e de registros administrativos, bem como entrevistas semi-estruturadas com servidores envolvidos nos processos.

Abstract
On January 25 th 2019, another mining tailings dam disrupted in minas gerais, this time in Brumadinho. The disaster created a mud sea, which caused social, environmental and economic impacts hard to be reversed. On a tragedy like this, social assistance has a fundamental role to guarantee protection to the ones hit by the disaster, in the emergency period and also in medium and long term, named by literature as "after tragedy”. Although, until the dam breaking off, there were no protocols for social assistance services to act in disaster and public calamity situations. In addition, the few existent rules were not enough to conduct the state acting against the magnitude of Brumadinho tragedy. In view of the importance of planning, protocols and well structured services, the present work aims to contribute with the social assistance organization in disaster situations. To achieve that, it aims to map, describe and analyze how the social assistance acted in emergency period and after the tragedy in Brumadinho, through documentary and administrative records research, as well as semi-structured interviews with servers involved in the processes.

Descritores

Palavras-chave

Citação

ARAGÃO, Ana Laura de Castro. A resposta da política de assistência social à tragédia de Brumadinho. 124 f. Monografia (Graduação em Administração Pública) – Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho, Fundação João Pinheiro, Belo Horizonte, 2019

Relacionado com

Contido em

Licença