Mercado de trabalho e gênero: uma análise das desigualdades em Minas Gerais

Data da publicação

2014

Orientador(es)

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
Esse trabalho tem por objetivo analisar as relações de gênero no mercado de trabalho mineiro, considerando aspectos como taxa de atividade, tipo de ocupação, trabalho informal, rendimento e tempo gasto em trabalho produtivo e reprodutivo. Para tal, são empregadas características pessoais e demográficas como idade, escolaridade, número de filhos, estado civil e arranjo domiciliar. Como fonte de dados, utiliza-se a Pesquisa por Amostra de Domicílio de Minas Gerais de 2011 que alcançou aproximadamente 18 mil domicílios em 428 municípios. Tais análises são importantes por permitir compreender melhor os diferentes papéis socialmente atribuídos a homens e mulheres, não apenas em relação à inserção ao mundo do trabalho, mas também no que tange à segregação ocupacional e à desigualdade de rendimento. Os resultados mostram a existência dessas diversas formas de desigualdade. O desafio das políticas públicas, portanto, é estabelecer elementos que possibilitem conciliar o trabalho produtivo e reprodutivo, sobretudo para as mulheres.

Abstract
This work aims to analyze gender relations in the labor market at Minas Gerais State, considering aspects such as activity rate, occupancy type, informal labor, income and time spent on productive and reproductive work. We used demographic and personal characteristics such as age, education, number of children, marital status and living arrangement. As a source of data, we utilized the Household Sample Survey of Minas Gerais 2011 that reached approximately 18,000 households in 428 municipalities. This analysis is important for enabing a better understanding of different social roles assigned to men and women, not only in relation to the insertion into the world of work, but also with regard to occupational segregation and income inequality. The results show the existence of these various forms of inequality. The challenge of public policy, therefore, is to establish elements that would allow reconciling productive and reproductive work, especially for women.

Descritores

Palavras-chave

Citação

CAMARGOS, M. C. S.; RIANI, J. L. R.; MARINHO, K. R. L. Mercado de trabalho e gênero: uma análise das desigualdades em Minas Gerais. Revista Pretexto, Belo Horizonte, v. 15, n. 2, p. 41, abr./jun. 2014. Disponível em: http://revista.fumec.br/index.php/pretexto/article/view/1971. Acesso em: 27 jan. 2022.

Relacionado com

Contido em

Licença