Crianças e adolescentes em abrigos: uma regionalização para Minas Gerais

Data da publicação

2014

Orientador(es)

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
No Brasil, as crianças abrigadas estão entre os segmentos mais vulneráveis da população. Uma pesquisa realizada em Minas Gerais, junto a todas instituições que prestam serviços de acolhimento no estado, permitiu identificar uma série de características desses jovens e também dos locais para onde foram encaminhadas. Nesse trabalho, procurou-se identificar e classificar os principais motivos de encaminhamento. Essas causas foram mapeadas, permitindo constatar distintas concentrações relativas nas várias regiões do estado. Foram elaboradas algumas hipóteses explicativas para a ocorrência dessas concentrações.

Abstract
In Brazil fostered children/adolescents are among the most vulnerable segments of society. A survey in different institutions which provide shelter services to children/adolescents in Minas Gerais State identified those people´s characteristics, as well as the characteristics of the places where they are sent to. We tried both to identify and to classify the main reasons why a child/adolescent is routed to an institution. Those reasons were mapped, revealing different relative concentrations in the several regions of the state. Hypotheses were developed to justify those concentrations.

Palavras-chave

Palavras-chave

Citação

FERREIRA, F. P. M. Crianças e adolescentes em abrigos: uma regionalização para Minas Gerais. Serviço Social e Sociedade, São Paulo, n. 117, p. 142-168, jan./mar. 2014. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0101-66282014000100009. Acesso em: 27 jan. 2022.

Relacionado com

Contido em

Licença