Gestão de carreiras no setor público mineiro: o caso dos especialistas em políticas públicas e gestão governamental

Data da publicação

2013

Orientador(es)

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
O objetivo do presente artigo é enumerar e analisar as políticas e práticas de recursos humanos existentes para os especialistas em políticas públicas e gestão governamental (EPPGG) do Estado de Minas Gerais, na percepção desses profissionais. Para tal, foi promovida uma verificação das mudanças sofridas por essas políticas, indicando possível melhoria ou retrocesso. Quanto ao tipo, a pesquisa apresenta caráter exploratório e descritivo; já quanto aos meios, constitui-se em um estudo de caso. Assim, foi realizada uma pesquisa quantitativa, por meio da aplicação de questionário à amostra representativa dos EPPGG, membros da carreira e ex-membros. Em virtude da pesquisa, pôde-se concluir que, da totalidade de políticas e práticas de recursos humanos listadas, apenas 28,6% são visualizadas como políticas e práticas implementadas pelo Governo de Minas, na percepção dos membros da carreira. Por meio da pesquisa, concluiu-se, também, que 71,4% das políticas e práticas de recursos humanas analisadas sofreram melhora e 21,4% sofreram retrocesso, se analisadas as diferenças de percepções dos membros e ex-membros.

Abstract
The aim of this paper is to list and analyze existing human resource policies and practices for spe-cialists in public policy and government management (EPPGG) of the State of Minas Gerais, in the perception of these professionals. The changes that occurred due to these policies were verified, in-dicating a possible improvement or retrogression. Regarding the type of research, an exploratory and a descriptive study are used, consisting of a case report. Thus, a quantitative survey was conducted using a questionnaire for a representative sample of EPPGG, career members and former members. This research indicated that from the totality of policies and practices of human resources listed, only 28.6% are viewed as policies and practices implemented by the Government of Minas Gerais, in the perception of career members. Through the research, it was also found that 71.4% of the policies and practices of human resources analyzed experienced improvement, and 21.4% suffered setbacks, when examining the differences in perceptions of members and former members.

Descritores

Palavras-chave

Citação

OLIVEIRA, K. P. et al. Gestão de carreiras no setor público mineiro: o caso dos especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental. Cadernos de Gestão Pública, v. 18, n. 62, p. 39-59, jan./jun. 2013. Disponível em: https://doi.org/10.12660/cgpc.v18n62.3961. Acesso em: 17 fev. 2022.

Relacionado com

Contido em

Licença