Despesas da Cidade Administrativa do Governo de Minas Gerais antes e depois da adoção do teletrabalho: análise da possível economia entre os anos de 2018 e 2021

Data da publicação

2023

Coordenador(es)

Colaborador(es)

Organizador(es)

Evento

Entrevistador(a)

Entrevistado(a)

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo
O objetivo dessa monografia é analisar os possíveis efeitos do período de teletrabalho emergencial, em decorrência da pandemia de Covid 19, nas despesas da Cidade Administrativa de Minas Gerais, comparando o período de 2018 e 2019 aos anos 2020 e 2021. O desenvolvimento do trabalho partiu do levantamento teórico a respeito do orçamento público e o processo orçamentário para execução de despesas, perpassando o detalhamento sobre a gestão da Cidade Administrativa e a evolução do teletrabalho, bem como o contexto da implementação no Poder Executivo de Minas Gerais. Trata-se de uma pesquisa quantitativa, à luz da análise dos valores liquidados nas unidades orçamentárias e programas relativos a Cidade Administrativa. Os resultados obtidos, após o detalhamento das despesas em grupo, elemento e item apontam para uma pequena economia em decorrência do teletrabalho, mas demonstra também a necessidade de adoção de outras medidas para que haja maior redução, além de uma análise do ponto de vista além do orçamentário, como o de bem-estar do servidor e da produtividade.

Abstract
The objective of this monograph is to analyze the possible effects of the emergency home office period, due to the Covid 19 pandemic, on the expenses of the Administrative City of Minas Gerais, comparing the period from 2018 and 2019 to the years 2020 and 2021. From the theoretical survey about the public budget and the budgetary process for the execution of expenses, passing through the details on the management of the Administrative City and the evolution of home office, as well as the context of implementation in the Executive Branch of Minas Gerais. It is a quantitative research, in the light of the analysis of the values settled in the budgetary units and programs related to the Administrative City. The results obtained, after detailing group expenses, element and item, point to a slight economy as a result of home office, but also demonstrate the need to adopt other measures for a greater reduction, in addition to an analysis from the point of view beyond of the budget, such as server well-being and productivity.

Palavras-chave

Citação

SOARES, Lara Fernandes. Despesas da Cidade Administrativa do Governo de Minas Gerais antes e depois da adoção do teletrabalho: análise da possível economia entre os anos de 2018 e 2021. 2023. 60 f. Monografia (Especialização em Gestão Financeira e Orçamentária no Setor Público) – Escola Paulo Neves de Carvalho, Fundação João Pinheiro. 2023.
Notas
Monografia de conclusão de Curso (Especialização em Gestão Financeira e Orçamentária no Setor Público) – Fundação João Pinheiro, Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho, 2023.

Relacionado com

Contido em

Licença